20 Set 2022

Turismo de Portugal, em parceria com as entidades regionais de turismo, inicia ciclo de visitas às empresas de turismo em todo o país

O Turismo de Portugal, em parceria com as Entidades Regionais de Turismo, realiza um ciclo de visitas, reuniões de trabalho e sessões de esclarecimento a todas as regiões de Portugal, com vista a dinamizar, nomeadamente, projetos de investimento em curso apoiados no âmbito do PT 2020, assim como a esclarecer o setor acerca dos programas, iniciativas e políticas desenhadas para apoiar as empresas e as regiões.
 
O Vogal do Conselho Diretivo, Carlos Abade, inicia este périplo com uma visita de 3 dias ao Porto e Norte de Portugal, entre 20 e 22 de setembro, em parceria com o Turismo do Porto e Norte de Portugal.
 
No 1.º dia, 20 de setembro, as visitas começam em Ponte da Barca, passando de seguida por Paredes de Coura. Nesse mesmo dia, são realizadas reuniões com a Direção da Turismo do Porto e Norte de Portugal, e com as CIM da região.

No dia seguinte, a 21 de setembro, já em Chaves, inicia-se o 2.º dia de trabalhos, que incluem uma ida a Vila Pouca de Aguiar e a Carrazeda de Anciães, assim como reuniões com Municípios de territórios afetados pelos incêndios deste ano (Vila Real, Carrazeda de Ansiães, Murça e Mesão Frio). O dia termina com uma visita ao Pocinho, em Vila Nova de Foz Côa.
 
O último dia deste ciclo de visitas, tem lugar em Vila do Conde, Matosinhos e Vila Nova de Gaia, a 22 de setembro.
 
Este ciclo vai percorrer o país, visando promover a partilha de conhecimento e experiências positivas e sustentadas, numa fase que continua a ser muito desafiante para toda a sociedade e a economia do país.
 
Relembre-se que o Plano "Reativar o Turismo | Construir o Futuro" (PRT) já tem 1 ano de implementação, registando-se um forte crescimento económico, já em linha com o registado em 2019. Aprovado em RCM em junho de 2021 o PRT pretende ser um guião orientador para o setor turístico, público e privado, cujas ações estão totalmente integradas com os objetivos do Plano de Recuperação e Resiliência e da Estratégia Portugal 2030, assegurando assim uma estratégia concertada para a retoma da economia nacional.
 
Alinhado com a ET2027, e incorporando os novos desafios decorrentes do impacte da pandemia no setor, nas suas múltiplas vertentes, o plano de ação prevê o investimento de 6 mil milhões de euros até 2027, através de 52 medidas distribuídas por 4 Pilares, com especial enfoque nas Empresas e Pessoas (Colaboradores, Residentes e Turistas).
 
Este plano tem por objetivo ultrapassar os 27 mil milhões de euros de receitas turísticas em 2027 de uma forma sustentável, gerando riqueza e bem-estar em todo o território, ao longo de todo o ano e apostando na diversificação de mercados e segmentos.
Fonte: In, Turismo de Portugal
Política de cookies

Este site utiliza cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.   Saiba Mais

Compreendi