23 Jan 2023

Aberto período de propostas finais para bairros comerciais digitais

O Ministério da Economia e Mar publicou hoje o Aviso Convite à apresentação das propostas finais para os projetos dos bairros comerciais digitais, prevista no Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), estando elegíveis 167 candidaturas.

O programa tem uma dotação final de mais de 52 milhões de euros.

"Numa primeira fase foi lançado o Aviso Convite a Manifestação de Interesse, tendo sido consideradas elegíveis 167 Manifestações de Interesse, num total de 189 candidaturas. Agora, as 167 candidaturas elegíveis irão, até 9 de março, formular o seu projeto final através de formulário para submissão das candidaturas na página eletrónica do IAPMEI e no Balcão dos Fundos", adianta o ministério em comunicado.

Segundo o gabinete de António Costa Silva, a medida tem como objetivo apoiar a digitalização de, no mínimo, 50 bairros comerciais digitais, em centros urbanos, zonas suburbanas ou rurais.

A tutela indica que serão financiados, na sua totalidade, "diferentes tipos de investimento para a qualificação e a reabilitação urbanística dessas áreas, designadamente intervenções na reabilitação urbanística, integração em soluções logísticas coletivas, digitalização da experiência de consumo e de infraestruturas adjacentes, entre outras".

"Esta é uma medida estruturante para o Comércio e para a revitalização das zonas de comércio tradicional. São apoios muito importantes para o território e para as empresas e demonstram que, também no comércio, o PRR avança", observou o Secretário de Estado do Turismo, Comércio e Serviços, Nuno Fazenda, citado no comunicado.

Os projetos dos bairros comerciais digitais do PRR visam fomentar a coesão territorial e destinam-se a autarquias, empresas municipais e associações locais.

Os bairros comerciais digitais "são definidos como espaços urbanos contíguos, delimitados geograficamente, com elevada densidade de estabelecimentos de comércio e de prestação de serviços, incluindo HORECA [hotelaria, restauração e cafés], com uma estratégia comum de gestão suportada num ambiente tecnológico avançado", pode ler-se no portal de perguntas frequentes disponível no 'site' do IAPMEI - Agência para a Competitividade e Inovação.

Fonte: In, Noticias ao Minuto
Política de cookies

Este site utiliza cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.   Saiba Mais

Compreendi