Notícias

Empresas portuguesas partem para a Colômbia para mostrar a qualidade do calçado nacional
2017-07-24

Pela quarta vez, a ColombiaModa recebe um grupo de empresas nacionais do segmento do calçado. 
 
Organizada pela APICCAPS, em estreita colaboração com a AICEP e com o apoio do Programa 2020, a participação portuguesa na ColombiaModa é composta por dez empresas.

J. Reinaldo, Centenário, Cloud, Mocc's, Ambitious, Overstate, Relance, Creator, Ricap e Flex & Go são as empresas que irão representar o calçado português em Medellín, de 25 e 27 de julho.

A indústria portuguesa de calçado exporta, atualmente, 95% da sua produção, que é enviada para 52 países nos cinco continentes. Neste contexto, avança Paulo Gonçalves, porta-voz da APICCAPS, a associação entendeu que "esta seria a altura de investir na América Latina, com a presença na Colombiamoda a permitir abordar comercialmente toda a região”. O responsável adianta que os resultados globais das participações na ColombiaModa "têm sido muito interessantes, com as exportações a subirem de forma consistente”.  

Segundo dados do Instituto Nacional de Estatística divulgados pela APICCAPS, no final de 2016 as vendas para o Chile, Colômbia e Panamá atingiram os 3,5 milhões de euros. 

Este ano, a exportações para a Colômbia registaram já um aumento na ordem dos 5,6%. Confiante de que a América Latina será seguramente um mercado importante para o calçado português no futuro, Paulo Gonçalves garante que estes são ainda os primeiros passos, mas que Portugal está na Colômbia "para ficar”.


In Revista Port
voltar