Política de cookies

Este site utiliza cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso. Saiba Mais

Compreendi

Notícias

Amorim Florestal, S.A.
2020-01-08

O sector da Indústria de Preparação da cortiça (CAE 16293) é liderado pela Amorim Florestal, SA, que ocupa a 18.ª posição do "ranking" das 1.500 maiores empresas do distrito de Aveiro.

A empresa sediada em Santa Maria da Feira e que, em 2018, empregava 416 pessoas, realizou, naquele ano, um volume de negócios de 133,96 milhões de euros, um valor 12,32% superior aos 119,26 milhões de euros que haviam sido facturados no ano anterior.

Nos lucros, o aumento foi mais acentuado, uma vez que dos 11,28 milhões de euros de resultados líquidos realizados em 2017, a empresa apurou 13,65 milhões de euros no ano seguinte, reflectindo um crescimento de 21,04% neste indicador.

Quanto ao VAB, o crescimento foi de 15,91%, uma vez que dos 26,79 milhões de euros obtidos em 2017, a empresa registou 31,06 milhões de euros em 2018.

O segundo lugar do sector é ocupado pela Socori - Sociedade de Cortiças de Rio Meão, S.A., de Santa Maria da Feira, que, em 2018, obteve um volume de negócios de 47,52 milhões de euros, um resultado líquido de 1,61 milhões de euros e um VAB de 12,56 milhões de euros.

Na terceira posição está a M.A. Silva 3 - Cortiças, S.A, de Santa Maria da Feira, que, no exercício em apreço, registou um volume de negócios de 30,73 milhões de euros, um resultado líquido de 912,17 mil euros e um VAB de 2,43 milhões de euros.»




In, Diario Aveiro - Especial
voltar